quinta-feira, 30 de abril de 2009

Bom dia pinguim!




Bom dia pinguim,
Onde vais assim
Com ar apressado?
Eu não sou malvado,
Não fique assustado
Com medo de mim.

Eu só gostaria
De dar um tapinha
No seu chapéu jaca.
Ou bem de levinho
Puxar o rabinho
Da sua casaca.

Quando você caminha
Parece o Chacrinha
Lelé da caixola.
E um velho senhor
Que foi meu professor
No meu tempo de escola.

Pinguim, meu amigo,
Não zangue comigo
Nem perca a estribeira.
Não pergunte por quê,
Mas todos põem você
Em cima da geladeira.

(Toquinho)

3 comentários:

mari_litwak disse...

Que fofo!!!

Neneca Barbosa - Um ser humano em evolução! disse...

Que lindo! Cada dia melhor! Beijos!

semibarbosa disse...

Airuska,ameiii!!
Olha tenho uma amiga virtual que mora aí e tem uma coleção de pinguins!!
Já disse prá ela que ia te encomendar um.Essa é a primeira encomenda da lista,tá?Também queria uma mulata,mas reboculosa igual a sua sioux que amei de paixão!!